Biodigestor descontínuo para unidades de criação bovina do setor tradicional no Cuanza Sul-Angola (Original)

  • Armindo de Carvalho Neves Álvaro Politécnico do Kwanza Sul
  • Luís Raúl Parra Serrano Universidade de Granma
  • Cândida Joaquim Francisco Instituto Superior Politécnico de Kwanza Sul
Palabras clave: biogás; esterco bovino; energia; confinamento

Resumen

Em Angola esteja os bovinos no setor tradicional são criados na forma extensiva, estes são conduzidos por guias para as pastagens comunitárias e regressam ao confinamento ao fim do dia, o que gera certa concentração de esterco sem aproveitamento útil, cuja acumulação além de poluir o ambiente com gases de efeito estufa (CH4), pode disseminar doenças. Uma possível solução para este problema seria o tratamento do resíduo em biodigestores. Para testar a eficiência do processo, definiu-se construir um biodigestor descontínuo. O método utilizado regeu-se por princípios estabelecidos para este efeito, e procedeu-se o cálculo do volume e o custo de oportunidade. Como resultado o biodigestor definido ficou estruturado por seis componentes: cano de alimentação (A); saída de gás (B); torneira de descarga de resíduos líquidos e sólidos respectivamente (C, D); filtro para mistura de gases (E); câmaras reservatórios de biogás (F1, F2); mangueira de alimentação/cozinha ou gerador (G). O biodigestor admite 80 kg de esterco para o arranque da biodigestão e tem potencial para produzir 2 848 m3 de biogás por ciclo de retenção hidráulica o que em produção de energia equivalente a 1 708,8 mL de gasolina. O biodigestor temporal denominado ISPKS-2018, demonstrou ser eficiente e oferece condições de segurança para o processo de biodigestão e de fácil adaptação para a pecuária bovina de pequena escala no Cuanza Sul-Angola; Não se faz o aproveitamento de aproximadamente 2 L de gasolina para diversos fins, quando se dispensa a implementação do biodigestor ISPKS-2018. 

 

Descargas

La descarga de datos todavía no está disponible.

Biografía del autor

Armindo de Carvalho Neves Álvaro, Politécnico do Kwanza Sul

Mestre em Zootecnia, Professor Assistente

Luís Raúl Parra Serrano, Universidade de Granma

Doutor em Ciências Técnicas Agropecuárias, Professor Titular

Cândida Joaquim Francisco, Instituto Superior Politécnico de Kwanza Sul

Licenciada em Zootécnica

Citas

Batista dos Santos, E. e Junior, G.; (2013). Produção de Biogás a partir de dejetos de origem animal. Tekhne e Logos, Botucatu, SP, V.4, n.2, agosto. ISSN. 2176-4806.
Gonzalez, E.; Castillo, F.; Del Socorro, S.; Retto, C.; (2017). Sistema de aprovechamiento de resíduos orgánicos de ganado vacuno y su aplicación en la agropecuária Campos del Chira E.I.R.L. Pirhua: 59.
Kwaya, R.; (2016). Manejo de los animales. Carcterísticas del Anestro e Influência del destete temporal en vacas mestizas en sistema de producción extensivo. Flor de Sumbe, Cuanza Sul Angola. Tesis en opción al grado científico de doctor en Ciencias Veterinarias, Cuba, Universidad Agrária de La Habana Fructuoso Rodriguez Pérez. :52.
Metz, H., L.; (2013). Construção de um biodigestor caseiro para demonstração de produção de biogás e biofertilizante em escolas situadas em meios urbanos. Monografia Apresentada à Universidade Federal de Lavras, para obtenção do título de Especialista em Formas Alternativas de Energia, MG Brasil.:18-24.
Neves, V.; (2010). Construção de biodigestor para a produção de biogás a partir da fermentação de esterco bovino. 56p. Trabalho de Graduação (Tecnologia em Biocombustíveis). Faculdade Tecnológica de Araçatuba, Araçatuba.
Pérez, J. A.; (2010). Estudio y diseño de un biodigestor para aplicación en pequeños ganaderos y lecheros. Faculdade Tecnológica de Araçatuba, Araçatuba.
Ponce, Y.; 2007. Implantación de una tecnología sostenible de producción de biogás en la comunidad rural El Caney de las Mercedes, en Cuba. Tesis doctoral. Universidad Politécnica de Madrid. España.
Portal do Biogás; (2017). Funcionamento do Biodigestor. [en línha]. https://www.portaldobiogas.com/principio-de-funcionamento-de-um-biodigestor-anaerobio/.
Silva, J.G.D.; Da Luz, J.M.R.; Machado, S.S.; Da Silva, J.E.C.; (2019). Fertirrigação no cultivo de capim e a diversidade microbiana do solo do Cerrado antes e após a produção de biomassa vegetal. 1(2); DOI: https://doi.org/10.33911/singular-etg.v1i2.61.
Terry, L.; Rodríguez, S., A.; Guardado, M.; (2003). Utilización de lodos anaerobios como bioabono. Agricultura Orgánica. 1: 19-21.
Varnero, M. M. T. (2011). Principales Digestores en el Medio Rural. Manual de Biogás. Minenergia/PNUD/FAO/GEF. Editora: CHI/00/G32. ISBN 978-95-306892-D: 98;
Weber, R.; Zenatti, D. C.; Feiden, A. (2014). Produção de Biogás com Relação ao teor de Sólidos Voláteis de Bovinocultura de Leite. Revista Brasileira de Energias Renováveis, v. 3, p. 43-55.
Publicado
2020-08-11
Cómo citar
Neves Álvaro, A., Parra Serrano, L., & Joaquim Francisco, C. (2020). Biodigestor descontínuo para unidades de criação bovina do setor tradicional no Cuanza Sul-Angola (Original). Redel. Revista Granmense De Desarrollo Local, 4, 727-735. Recuperado a partir de https://revistas.udg.co.cu/index.php/redel/article/view/1830
Sección
Artículos

Artículos más leídos del mismo autor/a